Notícia

img

CONCURSO MPU: óRGãO FECHA 1º SEMESTRE SEM 1.844 SERVIDORES


O MPU fechou o primeiro semestre com o déficit de 1.844 servidores, sendo 92% apenas para os cargos que deverão constar no próximo concurso.

A urgência para realização do concurso MPU é reflexo do número de cargos vagos que o Ministério Público da União apresenta. O órgão fechou o primeiro semestre, por exemplo, com déficit de 1.844 servidores. Por esse motivo, os esforços são para que uma nova seleção de técnicos e analistas seja aberta ainda este ano, provavelmente em outubro.

O Ministério Público Federal (MPF) é o que mais sofre com a carência de profissionais. De acordo com dados do portal da transparência de junho, ao todo, faltam 1.674 servidores no ramo. Considerando apenas os cargos que serão ofertados no próximo concurso, o déficit é de 1.108 analistas de Direito e 482 técnicos de administração.

O MPU planeja a realização de concurso apenas para técnico de administração (nível médio e R$7.618,61) e analista de direito (nível superior na área e R$11.916,90 já com auxílio-alimentação de R$910,08). Isso porque o valor para seleção, de R$9,5 milhões, foi calculado tendo por base somente as carreiras que demandam maior pessoal.

No total, o MPU perdeu 127 servidores durante o primeiro semestre. Desse quantitativo, 65 eram técnicos administrativos e 45 analistas em direito. Ou seja, apenas esses dois cargos representam 86,62% dos profissionais que o Ministério Público da União deixou de contar em 2018, seja por aposentadorias, mortes ou exonerações.

Fonte: folha dirigida