Notícia

img

CONCURSO FUNDASE RN 2020: EDITAL COM 741 VAGAS TEM COMISSãO REFORMULADA


Fundação de Atendimento Socioeducativo do Estado do Rio Grande do Norte vai abrir um novo edital de concurso público

 A Fundação de Atendimento Socioeducativo do Estado do Rio Grande do Norte vai abrir um novo edital de concurso público ( Concurso FUNDASE RN 2020) este ano para preenchimento de vagas no seu quadro pessoal efetivo. A Secretaria de Administração e dos Recursos Humanos do Estado informou que estão previstas 741 vagas em cargos de níveis médio e superior.  O edital está na fase de escolha da banca.

O concurso da Fundase-RN teve novidades nesta sexta-feira, 14 de fevereiro. Foi divulgado no Diário Oficial do Estado, a comissão especial, designada para elaborar a seleção. A equipe vai ter responsabilidade de realizar o levantamento de vagas na Fundação.

A nova comissão vai ser composta por cinco membros: José Ediran Magalhães Teixeira (presidente e membro da Secretaria de Administração); Maria das Graças de Araújo (membro da Sead); Valtemir Moura de Oliveira (membro da Fundase); Washington Carlos de Lima (Fundase); e Andrey Jeronimo Leiras (OAB-RN).

A comissão vai ficar encarrega, principalmente, pelos estudos para a reposição de vagas, por meio de abertura do concurso Fundase RN, para os serviços socioeducativos do Rio Grande do Norte. 

O Concurso FUNDASE RN 2020

o edital do concurso FUNDASE-RN 2020 será divulgado para o preenchimento de 741 vagas em cargos de níveis médio e superior.

É esperado que a oferta de vagas seja bastante expressiva, uma vez que a fundação realizou apenas um concurso para efetivos desde quando foi criado. A abertura do concurso vem sendo estudada há dois anos. No entanto, somente este ano foi possível o início dos preparativos. O principal motivo seria a crise financeira do estado.

Atualmente, a estrutura organizacional da Fundase, conforme a Lei Complementar Nº 614 de Janeiro de 2018, as carreiras existentes no órgão são de analista, assistente, técnico e auxiliar. Este último, com exigência de nível fundamental, não deverá ser ofertado. Veja os cargos com os respectivos salários:

Nível Médio: Técnico de nível médio com salário de R$1.899,83;

Nível Superior: Técnico e nível superior com salário de R$2.870,90; Agente socioeducativo com remuneração de R$2.286,55; Analista socioeducativo administrativo com remuneração de R$3.029,92; Analista socioeducativo administrativo com salário de R$3.189,39.

Os vencimentos básicos podem chegar a até R$5mil com as progressões nas carreiras. Os aprovados devem ser lotados nas dez unidades regionais em Natal, Caicó e Mossoró.

Último edital da FUNDASE RN

A Fundação de Atendimento Socioeducativo do Estado do Rio Grande do Norte divulgou um edital de processo seletivo em 2018 para preencher 400 vagas e formar cadastro reserva em cargos de níveis fundamental e superior. Do quantitativo de vagas, 5% foram reservadas aos portadores de deficiência.

De acordo com o edital, as vagas foram destinadas as cidades de Natal/Parnamirim, Caicó e Mossoró. Os cargos oferecidos foram os de Agente Socioeducativo (252 vagas), Assistente social (18 vagas), Pedagogo (9 vagas), Psicólogo (20 vagas), Auxiliar de Serviços Gerais (64 vagas) e Motorista (37 vagas). Os salários oferecidos variam entre R$ 1.247,00 e R$ 1.897,00.

A seleção contou com prova escrita objetiva (para todos), investigação social (para todos) e títulos (somente para nível superior). As avaliações objetivas foram aplicadas em Natal (RN), Caicó (RN) e Mossoró (RN). A prova objetiva de conhecimentos, de caráter eliminatório e classificatório, teve duração de 03 (três) horas.

A avaliação de conhecimentos constou de 30 (trinta) questões objetivas de múltipla escolha, cada uma com 04 (quatro) alternativas de resposta e apenas uma correta e abrangeu o conteúdo programático do Edital, sendo: 10 (dez) questões de Conhecimentos da Língua Portuguesa e 20 (vinte) de Conhecimentos Específicos.

O edital informava que os aprovados seriam contratados por 12 meses, com possibilidade de prorrogação por igual período, não ultrapassando até 24 meses. 

 

Fonte | Site Notícias concursos